Logo do Centro Cultural Bom Jardim

Rede de escolas criativas da cultura (Secult/IDM) celebra centenário de Paulo Freire com lançamento de livro e roda de conversa sobre o educador

17/09/2021

Este ano é marcado pelo nascimento de um dos maiores pensadores da educação brasileira. Educador, filósofo, grande mestre do movimento Pedagogia Crítica, Paulo Freire completa seu centenário de nascimento no próximo […]

Este ano é marcado pelo nascimento de um dos maiores pensadores da educação brasileira. Educador, filósofo, grande mestre do movimento Pedagogia Crítica, Paulo Freire completa seu centenário de nascimento no próximo dia 19 de setembro. Desde março, a Escola Porto Iracema das Artes — instituição da Secretaria da Cultura (Secult) gerida em parceria pelo Instituto Dragão do Mar (IDM) –, realizou diversos eventos virtuais para celebrar o legado de Freire, durante o ”II Paulo Freire a Bombordo – Centenário”.

Na culminância da programação, realizada em parceria pela Rede de escolas criativas da cultura (Secult/IDM), foi promovidas duas atividades, uma que ocorreu no dia 15 e outra que irá acontecer no dia 20 de setembro. “O legado de Paulo Freire nunca foi tão necessário”, observa a Diretora de Formação e Criação do IDM, Bete Jaguaribe, acentuando “a importância do pensamento crítico freireano, num momento em que o país enfrenta talvez o maior de seus desafios, a defesa de uma experiência democrática, construída com tantas vidas perdidas, no combate à última ditadura no país”. Para a professora, comemorar o centenário de Paulo Freire é reafirmar a importância das liberdades democráticas e do pensamento crítico.

Bete Jaguaribe também acentua o trabalho coletivo na construção da programação comemorativa. “O projeto engajou instituições da rede de escolas criativas da Secult, geridas pelo IDM, num processo de reflexão sobre o legado de Paulo Freire que alimenta os nossos processos de formação,” conclui a diretora.

Programação especial

O livro de Alê Oliveira, com ilustrações de Cauex Pascoa, é uma homenagem ao patrono da educação brasileira e a todos os educadores que acreditam na educação como prática da liberdade. A publicação é a primeira da Baioque, editora independente de Fortaleza.

No ultimo dia 15 de setembro, foi lançado do livro infantil ”Ester conhece Paulo Freire”, da jornalista e doutora em educação, Alê Oliveira, tendo inicio as a partir das 15h30min pelo YouTube do Porto Iracema. A obra é uma homenagem ao pedagogo pernambucano e a todos os educadores que acreditam na educação como prática da liberdade. As ilustrações são assinadas por Cauex Pascoa, que também participará da conversa.

A mediação do lançamento foi realizada por Aline Albuquerque, coordenadora do Laboratório de Artes Visuais da Porto Iracema. Para ela, muito além de uma data comemorativa, o centenário atualiza a relevância do pensamento da obra de Paulo Freire em nossas práticas cotidianas como cidadãos implicados na transformação de nossa sociedade. “Enquanto instituição de ensino, nós trazemos Paulo Freire no cerne de nosso projeto pedagógico e procuramos operar seus conceitos em todas as dimensões formativas. Celebrar o centenário do patrono da educação brasileira é, sobretudo, fazê-lo presente em nossas práticas diárias, e por isso seguiremos sempre celebrando sua vida e seu legado’’, conclui Aline. Você pode conferir o lançamento no vídeo abaixa:

>>> Saiba mais sobre o livro, a autora e o ilustrador AQUI

Já no dia 20, às 17h30min, a live “Paulo Freire vivo: um século da Pedagogia da Libertação” vai finalizar a segunda edição do “Paulo Freire a Bombordo” reunindo professores e pesquisadores de diferentes instituições. A mesa será composta pela professora e pesquisadora Bernadete Porto, da Universidade Federal do Ceará (UFC), Custódio de Almeida, também professor da UFC, membro do Conselho Estadual de Educação do Ceará e Cientista Chefe da Cultura no Ceará, além de Fernando Leão, arte-educador e professor da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). A mediação do debate será de Selene Penaforte, superintendente da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, e a apresentação ficará a cargo de Maíra Abreu, coordenadora dos Cursos Básicos de Artes Cênicas da Porto Iracema.

>>> Saiba mais sobre os convidados AQUI.

Próxima programação:

20 de setembro| Segunda-feira

II Paulo Freire a Bombordo – Centenário
Roda de Conversa “Paulo Freire vivo: um século da Pedagogia da Libertação”
Com Bernadete Porto (UFC), Custódio de Almeida (UFC) e Fernando Leão (UFSB)
Mediação: Selene Penaforte (Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco)
Apresentação: Maíra Abreu Rocha
17h30 – Canal do YouTube do Porto Iracema

SOBRE O “II PAULO FREIRE A BOMBORDO – CENTENÁRIO”

A programação do projeto foi iniciada em março, com o concerto “Amar é um Ato de Coragem”, realizado ao vivo pelo Madeira Trio, com participação de Larissa Goes. Também foi realizado, até agosto, o encontro mensal “Relendo Paulo Freire”, em que fizemos uma leitura virtual e coletiva da obra “Pedagogia da Indignação”, transmitido pelo Youtube do Porto Iracema.

Outra iniciativa é a ação “Cartas para Paulo Freire”, um desdobramento do projeto de releitura. A atividade consiste no envio de cartas pelo público, tendo como critério para as produções o diálogo com o pensamento e as práticas de Paulo Freire no livro debatido ao longo das releituras.

Em agosto, ainda recebemos a live “Andarilhagens do Legado Freireano: Diálogos entre Arte e Educação”, com a participação das professoras Célia Brito e Margarete Sampaio, do Núcleo de Educação Popular da Universidade Estadual do Ceará (UECE), e do antropólogo Carlos Brandão.

Além da Porto Iracema, a Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho, o Centro Cultural Grande Bom Jardim (CCBJ) e a Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, instituições da rede de escolas criativas da cultura (Secult/IDM), também participaram da organização da iniciativa.

Sobre a Escola

A Porto Iracema das Artes é a escola de formação e criação do Governo do Estado do Ceará, instituição da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, sob gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM). Criada em 29 de agosto de 2013, há oito anos desenvolve processos formativos nas áreas de Música, Dança, Artes Visuais, Cinema e Teatro, com a oferta de Cursos Básicos e Técnicos, além de Laboratórios de Criação. Todas as ações oferecidas são gratuitas.

SERVIÇO

O quê: Rede de escolas criativas da cultura (Secult/IDM) celebra centenário de Paulo Freire com lançamento de livro e roda de conversa sobre o educador
Quando: Dias 15 e 20 de setembro
Onde: Youtube da Escola Porto Iracema das Artes
Gratuito e online

Equipe de Assessoria de Comunicação da Escola Porto Iracema das Artes | Texto: Gabriela Feitosa (estagiária), supervisão e edição de Raphaelle Batista | Publicado em 10/09/2021.

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Categorias

Comentários

0 Comentários

  |   Deixe um comentário »

Deixe o seu comentário!