Logo do Centro Cultural Bom Jardim

CURSO DE PODCAST E WEBRÁDIO LANÇA PODCASTS PRODUZIDOS POR ALUNOS

22/01/2021

Os alunos produziram 3 podcasts durante o curso: “Luz e Concreto”, “Depois do Bel, é nóiz” e “Uma Vida perdida”.

imagem de um smartphone com a tela inicial de cada podcast imagem de um smartphone com a tela inicial de cada podcast

O curso básico de Podcast e Webrádio da Escola de Cultura e Artes (ECA/CCBJ), ministrado pela professora Danielle Fernandes, lançou ao fim do curso três produtos, fruto de todo o esforço e dedicação dos alunos: os Podcasts “Luz e Concreto”, “Depois do Bel, é nóiz” e “Uma Vida perdida”, nas plataformas Anchor e Spotify.

O Podcast é um canal de áudio sob demanda. O ouvinte acessa quando quiser, online ou offline, facilitando seu consumo a qualquer hora e em qualquer lugar, gratuitamente, semcompetir com outras atividades diárias. Seu formato de áudio possibilita inúmeras formas de consumo: pode ser ouvido no carro, no ônibus, na academia e durante o horário de almoço, por exemplo. Atualmente, esse tipo de mídia já é amplamente disponível para todos os dispositivos, via web e smartphones.

O Podcast “Luz e Concreto” é uma reflexão sobre a liberdade de ver, ouvir e sentir a cidade

O Programa Luz e Concreto surge com a orientação da professora Dani Guerra e a locução e roteiro dos professores Basílio de Melo e Rosilene Aires, alunos do curso e está disponível nas plataformas Anchor e Spotify. Terá episódios quinzenalmente e o episódio de abertura é um convite histórico-geográfico ao entendimento das origens e da dinâmica urbana fortalezense.

O podcast, ainda em construção, reúne saberes, olhares e vivências que discutem uma cidade desigual social e economicamente e, ao mesmo tempo, com uma pluralidade cultural e diversidade ambiental em seu território. Os ouvintes podem participar do podcast sugerindo temáticas a serem abordadas no quadro “você no programa”, basta enviar mensagem de texto ou áudio para o email: podcastluzeconcreto@gmail.com.

Programa Luz e Concreto #1: as origens e os sentidos da cidade

Roteiro e locução: Basílio de Melo e Rosilene Aires

Edição: Basílio de Melo

Arte gráfica: Rosilene Aires

Email: podcastluzeconcreto@gmail.com

Anchor: https://anchor.fm/luz-e-concreto-podcast 

Spotify: https://open.spotify.com/episode/3phZpohvFN0akf48NL39UA 

Podcast “Depois do Bel, é nóiz” lança o primeiro episódio com a artista LGBTQIA+ Angel History

O programa foi produzido por Jhenni Rubens, mãe e estudante na área, Kenya Lima, profissional de desenvolvimento humano e estudante de audiovisual e Mawtham, cantor, compositor e artista LGBTQIA+. O programa está disponível em diversas plataformas digitais, tais como Sua Música, YouTube e Spotify. O segundo episódio já está em produção.

O Podcast faz referência ao artista Belchior, grande músico cearense que levou suas canções pro mundo, e busca homenagear os artistas da nossa terra, abrindo espaço pra que estes divulguem seus trabalhos pro mundo. Os episódios são gravados de forma remota, pretendendo ter uma frequência quinzenal, através de entrevistas com artistas cearenses vinculados à área musical.

No quadro “Ruma de dica”, falamos sobre outros artistas e trabalhos produzidos em nosso Estado, com o objetivo de expandir o repertório dos nossos ouvintes acerca dos artistas cearenses. No primeiro episódio, Angel nos conta sobre sua trajetória e os eventos marcantes de sua carreira. A artista mora na Barra do Ceará e fala sobre como encontrou apoio na Rede CUCA, instrumento público cultural de Fortaleza que fornece diversas qualificações e entretenimentos para a comunidade local.

Locução: Jhenni, Kenya e Mawtham

Edição: Kenya e Mawtham

Arte de divulgação: Kenya e Mawtham

Spotify: https://open.spotify.com/show/0OevJry9nXlrSNnkkxCHc6?si=DBm0txZWQcOzEMuGfTmqmA

Podcast “Uma vida perdida” resgata a magia das radionovelas

O podcast “Uma vida perdida” é um audiodrama que conta a história de Pedro, um garoto rebelde, morador da periferia do Bom Jardim. O gênero audiodrama é similar às saudosas radionovelas ou aos carinhosos discos de vinil coloridos de historinhas, com narração, gravação das vozes dos personagens e efeitos sonoros. A proposta desse audiodrama é trazer uma reflexão sobre o uso de drogas e a relação familiar.

Pedro morava com a mãe, tinha poucos amigos e namorava a jovem Mirela. A vida do jovem começa a ter um rumo diferente, quando ele se envolve com drogas. “Uma vida perdida” foi dividido em três episódios de 3 minutos, narrando as aventuras de Pedro. Os episódios contam com trilhas sonoras pensadas para causar uma sensação de suspense, obscuro e um estilo dark. Os três episódios podem ser encontrados na plataforma digital Spotify.

Audiodrama Uma vida Perdida

Roteiro: Beatriz Queiroz

Edição: Bruno Alencar e Rebeca Freitas

Produção: Franciely de Assis Lima

Personagens:

Mirela: Beatriz Queiroz

Pedro: Bruno Alencar

Leonora e Narração: Iasmim de Souza 

Spotify: https://open.spotify.com/show/2P4sbRPpfnIzHN6plkVCZz 

Anchor: https://anchor.fm/uma-vida-perdida

Confira também a pesquisa de audiência feita pelos alunos do curso. Acesse: Pesquisa de Audiência


Compartilhar:

Categorias

Comentários

0 Comentários

  |   Deixe um comentário »

Deixe o seu comentário!