Logo do Centro Cultural Bom Jardim

A compreensão tradicional que se tinha do músico/musicista apenas como um executor(a) de um instrumento específico se reinventa-se no processo de formação em música do CCBJ. Como estratégias percebemos o estímulo à organização e apresentação de grupos musicais e artísticos; a difusão de suas atividades artísticas; a relação com os públicos/territórios; o desenvolvimento e extensão dos suportes musicais e seus modos de criação; a preservação e difusão do patrimônio musical e produção artístico-musical.

O programa também destina-se à desenvolver metodologias e ações que contemplem módulos de EaD (Ensino à Distância),  Educação Remota e Ambientes Virtuais  de Aprendizagem – formas inclusivas para promover acessos de formação educativa de música (em territórios sociais, criativos  e periféricos).

 

Estúdio de Música

Coordenação / Supervisão

Roberta Kaya é mulher negra, lésbica e estudante de licenciatura em música na Universidade Estadual do Ceará. Moradora da periferia situada no bairro Sapiranga em Fortaleza-CE, encontra na arte estratégias para driblar estatísticas genocidas Arte educadora, cantora, compositora e instrumentista, desenvolve de forma independente uma pesquisa na área da produção musical e música eletrônica com referências da música afro-brasileira e das diásporas cotidianas através da DAW Ableton Live. Sua trajetória é marcada por resistência e ancestralidade, sempre compartilhando vivências com grupos e coletivos que remetem seus esforços ao resgate das memórias, sensações e ruídos inerentes a seres-criaturas que respiram fortificadas pela própria história.